• Teresina, 27/06/2022
  • Tempo Hoje: 27° | 27°

A sucessão vitoriosa com Themístocles na vice

A escolha de Themístocles é uma segurança não só para Rafael, mas também para toda a coligação governista


 A sucessão vitoriosa com Themístocles na vice

O MDB e o PT nunca estiveram tão irmanados quanto nesta sucessão de 22. E a prova mais contundente e incontestável é a escolha acertada do deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa, por nove vezes, Themístocles Filho, para Vice de Rafael Fonteles. E nas circunstâncias atuais da política estadual e também nacional não haveria nome melhor por conta do tirocínio, habilidade, experiência e competência política do político norte esperantinense.

              A escolha de Themístocles é uma segurança não só para Rafael, mas também para toda a coligação governista; porquanto, Themístocles fortalece, enaltece e consolida o evento eleitoral sucessório, dando-lhe uma configuração antecipada de segurança de vitória à medida que era cobiçado também pelas oposições para ser o Vice de Sílvio Mendes.

              O Senador Ciro Nogueira esteve com Themístocles convidando-o para participar da Chapa majoritária oposicionista. Declinou porque sabia (ou tinha certeza) que Rafael e/ou o governismo, sob a liderança de Wellington Dias e Regina Souza, no exercício do Poder Executivo estadual tem chance de vitória ou será vitoriosa.

              O PT e o Governador Wellington Dias não teriam melhor político para ser o Vice de Rafael. E Rafael não encontraria melhor Vice que Themístocles. Entretanto, nenhum, com a capacidade, a habilidade, a tolerância e a paciência de Themístocles para negociar politicamente as situações da conturbada e sensível vida diária da política partidária. Homem de harmonia, conciliação e acordo.

              E, dentro do próprio MDB, o Vice de Rafael foi também a melhor alternativa e opção para integrar a Chapa governista.

              Themístocles é um garantirista da vitória às forças governistas e serve de referência e endosso àqueles políticos e eleitores duvidosos e/ou indecisos quanto à sua opção de voto na eleição.

              E seguido, acompanhado e apoiado porque sua longerra experiência parlamentar e política impõem e determinam a certeza de que Rafael será o vitorioso nesse evento majoritário eleitoral de 22.

              Entretanto, embora as alegações acima, isto não quer dizer que deixemos de trabalhar e lutar diariamente às atividades e às atribuições da organização da eleição em outubro e até à undécima hora, com o resultado favorável ao petista Rafael.

              Por conseguinte, quero também reafirmar sobre Themístocles que Rafael terá um companheiro de jornada política e geracional fiel e interessado que a administração pública estadual tenha, antes que tudo e sobretudo, um carácter desenvolvimentista duradouro e propositivo em favor da sociedade piauiense porque conhece os membros da máquina estadual as filigranas da política estadual, tendo uma sintonia capilar perene e verdadeira com toda a sua estrutura de governança e de seus líderes proeminentes.

              A coligação governista, com Rafael e Themístocles na cabeça da Chapa sucessória, será a vitoriosa;  inclusive, porque conta com o apoio de 26 deputados estaduais dos 30 que compõem o colegiado da Assembleia, bem assim com a liderança  singular de Wellington Dias – maior líder político da história do Piauí – e com Regina Souza na Chefia do Poder Executivo Estadual, com sua história e identidade de sucesso nos movimentos sociais do estado desde a sua querida União onde nascera.

             

MAGNO PIRES é Diretor-geral do Instituto de Águas e Esgotos do Piauí – IAE-PI, Ex-Secretário de Administração do Piauí e ex-presidente da Fundação CEPRO, advogado da União (aposentado), professor, jornalista e ex-advogado da Cia. Antáctica Paulista (hoje AMBEV) por 32 anos consecutivos.





LEIA TAMBÉM

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Guia Comercial

Veja nossos Planos

Classificados

Anuncie Grátis

Publicidades

Fale Conosco