Pesquisa DataMax aponta vitória de Rafael no primeiro turno

A pesquisa foi realizada entre 02 e 07 de agosto, com 2 mil eleitores em 79 municípios piauienses.


Pesquisa DataMax aponta vitória de Rafael no primeiro turno Rafael Fonteles (PT) / foto: Pedro Silva - Teresina Diário


Nova pesquisa realizada pelo Instituto Datamax aponta vitória de Rafael Fonteles (PT) no primeiro turno das eleições para governador do Piauí, tanto na simulação em que aparece como candidato de Lula como na modalidade sem considerar o apoio do ex-presidente. 

No primeiro caso, com apoio de Lula, ele tem 58,81% dos votos válidos, quase 30 pontos percentuais à frente de Sílvio Mendes, do União Brasil, que aparece com 31,39% com apoio do ministro-chefe da Casa Civil de Bolsonaro, Ciro Nogueira. Sem considerar os apoios, Rafael também vence no primeiro turno, com 51,04% dos votos válidos. Sílvio Mendes aparece com 41,09%.


A pesquisa foi realizada entre 02 e 07 de agosto, com 2 mil eleitores em 79 municípios piauienses. Na pesquisa considerando os apoios, Major Diego (PL), apoiado por Jair Bolsonaro, aparece com 6,24% dos votos válidos; Gessy Fonseca (PSC), apoiada por Pastor Everaldo, 1,81%%; e Ravenna Castro (PMN), apoiada por Carlos Massarollo, com 0,76%.

Na sequência vem Madalena Nunes (PSOL), apoiada por Juliano Medeiros, com 0,64%; Gustavo Henrique (Patriota), apoiado por Fred Costa, 0,29%; e Geraldo Carvalho (PSTU), apoiado por Zé Maria, tem 0,06% dos votos válidos.

Sem considerar os apoios, Major Diego aparece com 3,25%; Gessy Fonseca com 2,02%; Ravenna Castro, 1,04%; Madalena Nunes, 0,85%; Geraldo Carvalho, 0,39%; e Gustavo Henrique, com 0,33%.

VITÓRIA EM TODOS OS CENÁRIOS


Na pesquisa estimulada considerando a totalidade dos votos, Rafael Fonteles lidera com 39,25%, contra 31,60% de Sílvio Mendes. Major Diego aparece com 2,50%; Gessy Fonseca, com 1,55%; Ravenna Castro, 0,80%; Madalena Nunes, 0,65%; Geraldo Carvalho, 0,30%; e Gustavo Henrique, com 0,25%. Não sabem ou não opinam totaliza 16,05% enquanto 7,05% disseram que anularão o voto ou votarão em branco.

Na pesquisa espontânea, Rafael Fonteles lidera com 23,40%, enquanto Sílvio Mendes foi citado por 20,05%. Em seguida, aparecem Wellington Dias, com 3,10%, e PT, com 2,10%. Outros nomes foram citados espontaneamente, mas por menos de 1% dos entrevistados. Não sabem ou não quiseram opinar, 43,20%; e nulo ou branco, 4,50%

NÍVEL DE CONHECIMENTO

A pesquisa revela que Rafael Fonteles ainda é pouco conhecido do eleitorado piauiense: apenas 26,45% dos entrevistados disseram que o conhecem. Outros 31,95% não o conhecem de jeito nenhum e 41,60% o conhecem só de ouvir falar. Sílvio Mendes, por sua vez, é conhecido por 44,45% dos piauienses, outros 42,90% o conhecem só de ouvir falar e 12,65% não conhecem de jeito nenhum.

FICHA TÉCNICA

A pesquisa foi realizada no período de 02 a 07 de agosto. Foram entrevistados 2 mil eleitores de Teresina e mais 78 cidades do Estado, distribuídos por cotas de sexo, idade, grau de instrução e renda em relação ao eleitorado total dos municípios. 

A margem de erro é de 2,19 pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança de 95%. Está registrada no Tribunal Regional do Piauí (TRE-PI), sob o número PI-02984/2022, e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sob o número BR-04288/2022.

Wellington vence em todos os cenários para senador


De acordo com a pesquisa Datamax, a disputa para senador está praticamente definida em favor de Wellington Dias (PT). O ex-governador vence em todos os cenários com larga maioria de votos. Na estimulada, ele teria 47,15 dos votos válidos se a eleição fosse hoje; Joel Rodrigues (Progressistas), teria 14,85% dos votos. Professor Ajosé, do PMN, aparece com 4,40%; e Fábio Sérvio, do Podemos, com 2,75%. Não sabe ou não opina soma 17,75% dos entrevistados e nulo ou branco, 13,10%.


Na pesquisa espontânea, Wellington Dias foi citado por 24,50% dos entrevistados, enquanto 9,25% citaram Joel Rodrigues. Antônio José aparece com 1,20% e Fábio Sérvio, com 1%. Outros candidatos aparecem com menos de 1%. O total de 55,35% disse que não sabem em quem votarão para senador ou não quiseram opinar, enquanto 5,90% disseram que anularão o voto ou votarão em branco.

Lula lidera disparado para Presidente na estimulada e na espontânea


O cenário para Presidente é praticamente o mesmo que a pesquisa mostra para senador: pelos números do Datamax, o eleitor piauiense já se decidiu em favor do ex-presidente Lula (PT). No total, 67,15% dos entrevistados dizem que votarão nele, contra 17,30% que dizem preferir o presidente Jair Bolsonaro (PL). 

Ciro Gomes (PDT) aparece com 4,65; André Janones (Avante), com 1,55%; Simone Tebet (MDB), 1,40%; Pablo Marçal (PROS), 0,30%; Vera Lúcia (PSTU), 0,25%; Sofia Manzano (PCB), 0,20%; e Felipe D'Ávila (Novo), 0,10%. Não sabe ou não opina totaliza 4,45% e nulo/branco, 2,65%.

Na pesquisa espontânea, Lula lidera com 65,05% contra 17,25% de Jair Bolsonaro. Ciro Gomes foi citado por 3,95%; Simone Tebet, por 0,85%; André Janones, 0,70%; Vera Lúcia, Pablo Marçal e Sofia Manzano, 0,10% cada; e Felipe D'Ávila, por 0,05%. Não sabe ou não opina, 9,50%; e nulo ou branco, 2,25%.



Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login