• Teresina, 19/05/2022
  • Tempo Hoje: 25° | 25°

Covid-19: Sesapi monitora quantidade de profissionais da Saúde

A quantidade de médicos e outros profissionais em adoecimento começa a preocupar


Covid-19: Sesapi monitora quantidade de profissionais da Saúde

A Sesapi (Secretaria da Saúde do Piauí) está monitorando o número de profissionais de saúde disponíveis ao trabalho. Segundo o secretário, Florentino Neto, a grande quantidade de profissionais que se encontram afastados do atendimento devido a infecção por Covid-19 e por síndromes gripais é preocupante para a manutenção dos níveis ideias de atendimento na rede estadual. A Sesapi já se prepara para aumentar o número de leitos disponíveis para internação devido ao aumento do número dos casos de Covid-19 no Piauí. “São muitos profissionais se afastando por estarem também adoecendo e com síndromes respiratórias e isso nos preocupa, estamos monitorando a situação em todos os hospitais do estado”, afirmou o secretário.

Vacinas
O Piauí já recebeu 50 mil doses da vacina Coronavac contra a Covid-19 que serão destinadas ao público infantil. As doses já foram distribuídas para as cidades do interior e irão reforçar a vacinação infantil que já vinha sendo feita com a Pfizer.

Testagem
Os centros de testagem para Covid-19 da Fundação Municipal de Saúde seguem realizando teste em pessoas com síndromes gripais. São realizados em média mil testes por dias em toda a capital e o número de casos confirmados para Covid-19 aumentando. Devido a baixa quantidade de testes e seguindo as orientações da OMS, somente as pessoas sintomáticas são atendidas com a testagem.

Recordes
O Brasil registrou na última semana cerca de um milhão de novos casos de covid-19. Ontem, a média móvel de registros de infecções por dia bateu recorde pelo sexto dia seguido, chegando a 148.212, segundo o consórcio de imprensa.



Climão
Ao que parece foi apenas para criar clima as declarações do prefeito de Teresina Dr. Pessoa sobre a saída do vereador Zé Nito (MDB) do primeiro escalão da gestão municipal. O apoio ao candidato do Governo e a deputado estadual do vereador Zé Nito sempre foi conhecido de todos. A pressão para que nomes como Zé Nito mudem de partido e apoiam outro nome para o Governo é jogo de cena. Zé Nito segue na gestão municipal.

Organização partidária
A realidade na política é que a organização partidária pouco determina a coerência de posicionamento em relação a disputa de 2022. Zé Nito segue apoiando Rafael Fonteles do PT, o vereador Dudu que é do PT, segue apoiando Dr. Pessoa também mesmo ele apoiando o nome de Jair Bolsonaro (PL) para presidente e trabalhando por um nome que seja oposição ao PT na disputa pelo Governo do Estado. E iguais aos dois são várias as lideranças que seguem os próprios rumos, não só em Teresina.

Produção
O levantamento da produção do cerrado piauiense aponta para um aumento de quase 10% da área de soja.  Os produtores do Piauí comemoram chuvas acima da média histórica. Os dados ainda não foram concluídos, segundo informa o presidente da Aprosoja Piauí, Alzir Neto, mas as expectativas são de que o crescimento da área de seja de 8% em relação a safra anterior.

Mercado e saúde
O retorno das atividades da Câmara dos Deputados prevê uma pauta com 36 vetos do presidente Jair Bolsonaro (PL) a serem avaliados pelos deputados. Um dos vetos trata do acesso a medicação para o tratamento do câncer dentro de casa. De autoria do senador Reguffe (Podemos-DF), o projeto poderia beneficiar mais de 50 mil pacientes com tratamento em casa, sem necessidade de internação hospitalar. Segundo a mensagem de veto encaminhada ao Congresso, o projeto “comprometeria a sustentabilidade do mercado”

Chuva e estiagem
A Medida Provisória 1096/22 abre crédito extraordinário no Orçamento da União no valor de R$ 550 milhões em favor do Ministério do Desenvolvimento Social para ajudar a população prejudicadas pelas chuvas intensas que deixaram dezenas de mortos e milhares de desabrigados principalmente na Bahia e em Minas Gerais. Parte da verba também será destinada para apoio aos estados da Região Sul, afetados com forte estiagem.

Orçamento sancionado
O Orçamento Geral da União para 2022 foi sancionado pelo presidente da República na semana passada e prevê a receita da União para o exercício financeiro de 2022 no montante de R$ 4.826.536.184.933,00 (quatro trilhões, oitocentos e vinte e seis bilhões, quinhentos e trinta e seis milhões, cento e oitenta e quatro mil novecentos e trinta e três reais). A receita total estimada nos Orçamentos Fiscal e da Seguridade Social é de R$ 4.730.024.789.081,00 (quatro trilhões, setecentos e trinta bilhões, vinte e quatro milhões, setecentos e oitenta e nove mil oitenta e um reais).






LEIA TAMBÉM

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Guia Comercial

Veja nossos Planos

Classificados

Anuncie Grátis

Publicidades

Fale Conosco