Teresina Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
11/06/2018 - 13:12 hs

Fifa aponta Brasil como um dos favoritos

Fifa indica a Seleção Brasileira como uma das favoritas ao título da Copa e Neymar como jogador-chave

Por Yago Machado

Os famosos “bolões” para a Copa do Mundo estão correndo entre amigos e dentro das empresas mundo afora e, se você precisa de uma ajudinha para completar os primeiros colocados, a própria Fifa deu seu palpite: Brasil, França, Alemanha e Espanha são as favoritas.

Em seu site oficial, a primeira seleção a aparecer como candidata ao título é a Brasileira. Com expressões como “transformação”, “recuperação após o 7 a 1 diante da Alemanha” e “performances excepcionais”, a maior entidade do futebol declarou, ainda, que Neymar é um dos jogadores-chave para a conquista do hexacampeonato.

“Uma equipe transformada sob a liderança astuta de Tite, o Brasil, foi a primeira nação, além dos anfitriões, a reservar seu lugar na Rússia em 2018. Os fantasmas de 2014 e o 7 a 1 da Alemanha foram exorcizados por algumas performances excepcionais, incluindo uma vitória recente por 1 a 0 sobre os campeões mundiais em Berlim. Gabriel Jesus, o autor do gol na partida, Alisson e Coutinho também ganharam destaque desde a última Copa do Mundo, e estão entre vários jogadores de uma seleção forte, bem equilibrada e unida”, inicia a publicação.

“Houve um temor coletivo quando o talismã do Brasil sofreu uma lesão no pé, que terminou com sua temporada no Paris Saint-Germain em fevereiro. Aos 26 anos, Neymar já marcou 55 gols pelo se país e agora ocupa o quarto lugar com Romário na lista dos principais artilheiros do Brasil”.

Em relação às outras equipes consideradas favoritas, a Fifa indica Griezmann (França), Ozil (Alemanha) e David Silva (Espanha) como jogadores-chave de suas seleções.





Gazeta Esportiva

 












Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*