Teresina Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
10/08/2017 - 11:20 hs

Fotógrafo apaixonado por cachoeiras registra chapada dos Veadeiros

A natureza também é representada pelo cerrado

Em fevereiro de 2016, o fotógrafo carioca Vitor Marigo, 33, voltou a chapada dos Veadeiros, em Goiás, após quase 10 anos de sua primeira passagem pelo local, quando acompanhou o pai, o também fotógrafo Luiz Claudio Marigo, em uma expedição com outros profissionais.

A viagem com seu pai marcou o início da carreira como fotógrafo de aventura e natureza, e o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros oferece as duas coisas. São diversas trilhas e quedas d'água, lugares preferidos de Marigo. "Adoro cachoeiras e lá tem várias, que permitem pulos altos, de até 12 metros, é muito divertido", diz.

A natureza também é representada pelo cerrado, bioma que chama a atenção do fotógrafo, acostumado com a mata atlântica do Rio de Janeiro. "É muito especial e diferente do que estou acostumado, é uma vegetação mais amarela do que verde, fácil de caminhar", afirma. "É como se estivesse em outro país dentro do Brasil".

Como destaque, ele aponta o Vale da Lua, formação rochosa causada pela passagem de um rio subterrâneo, e o Mirante da Janela, no topo de uma montanha, que permite ver de longe duas grandes cachoeiras, emolduradas por pedras. Tudo obra da natureza.

"É um lugar que ficou muito popular no Instagram, mas foi o que mais me deixou sem fôlego por causa da vista deslumbrante", diz.

 

Uol

 

 

 












Mais Fotos





Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*