Teresina Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
11/10/2017 - 15:19 hs

Dia Mundial da Obesidade debate a situação no Piauí

A prevenção, segundo o médico, “ traz melhora com dieta e exercícios físicos”.

Dia Mundial da Obesidade debate a situação no Piauí
Foto: Divulgação

No Dia Mundial da Obesidade foi realizado hoje (11) um encontro no Plenarinho da Assembleia Legislativa com o apoio do Poder Legislativo, do deputado Themístocles Filho (PMDB) e o deputado B. Sá (PP). O encontro reuniu médicos e demais profissionais da área que discutiram o quadro da obesidade no Estado do Piauí.

 

O médico Marlon Moreno disse que, hoje, 53% da população piauiense é de obsessos, desde a última década devido a alimentação errada com produtos industrializados. Isso tem causado doenças como diabetes, hipertensão, câncer do útero, pâncreas.

 

A prevenção, segundo o médico, “ traz melhora com dieta e exercícios físicos”. Até 2040 segundo as pesquisas, a população mundial chegará a 50% obsessa. Nesses casos, crianças tornam-se doentes crônicas e progressivas.

 

A última pesquisa mostra que o Estado do Rio de Janeiro tem o maior índice de obesidade do Brasil. O quadro foi mostrado no último Congresso realizado em Florianópolis, dia 04 a 07 de outubro.

 

Também participaram dos debates sobre obesidade as nutricionistas Fernanda Martins e Regiele Oliveira; a psicóloga Sildinéia Pires; e os médicos Marlon Moreno e Antonio Moreira Mendes Filho

 

Pesquisa – Conforme pesquisa do Ministério da Saúde, 51,6% da população de Teresina está com excesso de peso. Teresina está em oitavo lugar entre as capitais do Brasil. Com destaque para as pessoas com menor tempo de estudo e na faixa etária de 55 a 64 anos de idade. 

 












Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*