Teresina Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
09/10/2017 - 13:09 hs

Sarah Menezes leva medalha de ouro do Troféu Brasil

Sarah fez o dever de casa e venceu todas as suas quatro lutas

Por Yago Machado

O primeiro dia de disputas do Troféu Brasil Interclubes de Judô 2017 levou ao tatame da Arena Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte, o judocas dos pesos Super Ligeiro, Ligeiro, Meio Leve e Leve numa longa jornada de grandes combates. Essa edição do evento reúne 449 atletas, entre eles jovens da nova geração e atletas consagrados, com as campeãs olímpicas Sarah Menezes e Rafaela Silva, que foram ao pódio neste sábado, 07.

Ao todo, seis medalhistas olímpicos estão inscritos na competição: Ketleyn Quadros (63kg/Minas Tênis Clube), Sarah Menezes (48kg/AJEF), Rafaela Silva (57kg/Instituto Reação), Mayra Aguiar (78kg/Sogipa), Leandro Guilheiro (81kg/Pinheiros) e Rafael Silva "Baby" (+100kg/Pinheiros).

Buscando um retorno ao peso Ligeiro (48kg), Sarah fez o dever de casa e venceu todas as suas quatro lutas preliminares por ippon. Na final, emplacou quatro waza-aris contra a pinheirense Gabriela Chibana e levou o título do Troféu Brasil, competição que não disputava desde 2005.

"Tive uma excelente competição. Fiquei até surpreendida comigo mesma, porque vim de uma descida do 52kg para o 48kg, fiz uma dieta correta. Cheguei bem, me senti bem, leve e rápida na competição", avaliou a campeã olímpica de Londres 2012.

"Fiz lutas duras com meninas novas e a minha final foi muito positiva para mim, porque consegui lutar, variei golpes, lutei contra uma atleta forte, a Gabriela Chibana, que também é da seleção e estamos disputando vaga. Agora, pretendo lutar o Brasileiro Sênior em novembro e aguardar os resultados dos exames que fiz com a CBJ para poder retornar ao 48kg.", disse Sarah.

Rafaela, por outro lado, protagonizou um momento de "solidariedade" a sua colega de time, Tamires Crude (57kg), quando desistiu do combate para que Crude tivesse a oportunidade de fazer a final do peso Leve contra Flavia Cruz, também do Reação. Na decisão, Tamires venceu Flavia por ippon e levou o bicampeonato do Troféu. Rafaela ficou com bronze depois que Manoela Costa (Sogipa) também desistiu do combate por causa de uma lesão no joelho. A novata Gabrielle Gonzaga (Sogipa), de 16 anos, completou o pódio com o bronze.

"Eu sabia que as meninas do Reação estavam vindo forte então eu optei por dar essa oportunidade para elas decidirem ali no tatame quem ia seguir na competição e tentar marcar alguns pontinhos para sair da Seletiva. Eu estou fazendo a minha parte de ajudar elas a crescerem também. Eu fui apoio da Ketleyn Quadros, então sempre que tem uma atleta forte na categoria faz todo mundo crescer junto", explicou a campeã olímpica do Rio 2016. 

 

cidade verde

 












Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*