Teresina Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
13/09/2018 - 12:46 hs

Vasco vê vitória no clássico como passaporte para a tranquilidade

O Vasco crê que uma vitória no clássico contra o Flamengo, no final de semana, pode aliviar as tensões na Colina

Por Yago Machado

O embarque para Brasília aconteceu sem maiores sustos na manhã desta quinta-feira. A delegação do Vasco seguiu para a capital com o objetivo de medir forças com o Flamengo neste sábado, às 19h (de Brasília), no Estádio Mané Garrincha, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com 24 pontos conquistados, o Cruz-Maltino vê a luta contra o rebaixamento como a sua realidade e isso tem deixado os nervos aflorados na Colina.

Durante a semana torcedores tentaram invadir o Centro de Treinamento do Almirante, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, soltaram fogos do lado de fora do treino, intimidaram jogadores, inclusive parando seus carros na saída do clube, e na quarta-feira, enfim, conseguiram conversar com o plantel. Houve a garantia de apoio, porém, internamente, após quatro derrotas consecutivas no Brasileirão, todos sabem que apenas o triunfo sobre o arquirrival vai garantir tranquilidade.

O técnico Alberto Valentim tem procurado trabalhar o lado psicológico dos jogadores, porém, ele mesmo vive um período de instabilidade e há quem fale em demissão no caso de uma nova derrota no sábado. A diretoria prepara um esquema de segurança forte para o retorno da delegação caso o time seja derrotado no clássico, porém, o tema não é falado abertamente.

Sobre a escalação, Alberto Valentim tem problemas. Ele não poderá contar com o lateral-direito Yago Pikachu. O jogador, que vem atuando de maneira improvisada no meio de campo, foi expulso contra o Vitória e cumpre suspensão, assim como o volante argentino Leandro Desábato, advertido com o terceiro cartão amarelo na mesma partida. Outro problema é a ausência do meia Wágner, que teve seu contrato rescindido de forma unilateral na Justiça por conta de atrasos salariais e no pagamento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). O Vasco vai tentar recorrer da decisão.

Nesta quinta-feira os jogadores fizeram um treino em Brasília e nesta sexta-feira um recreativo vai encerrar as atividades. Porém, a escalação só deverá se tornar pública minutos antes do confronto.










Gazeta Esportiva

 












Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*