Teresina Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
12/09/2018 - 16:56 hs

Campanha Setembro Dourado segue com ações de combate ao câncer infantojuvenil

A RFCC-PI realizará palestra educativa nesta sexta (14) no Portal da Alegria.

Por Lucas Pereira
Campanha Setembro Dourado segue com ações de combate ao câncer infantojuvenil
Campanha Setembro Dourado segue com ações / foto: reprodução

Com o intuito de ressaltar a importância do diagnóstico precoce do câncer infantojuvenil, a Rede Feminina de Combate ao Câncer do Piauí (RFCC-PI) realizará nesta sexta-feira, dia 14, uma palestra educativa sobre os sinais e sintomas do câncer infanto-juvenil para pais de alunos e professores da Escola Municipal Graciliano Ramos, localizada no bairro Portal da Alegria, zona sul de Teresina. A ação faz parte da campanha Setembro Dourado, coordenada pela Confederação Nacional das Instituições de Apoio e Assistência à Criança e ao Adolescente com Câncer – CONIACC e suas 54 filiadas espalhadas por todo o território nacional. 

Além de alertar aos pais e responsáveis sobre detalhes da doença que, na maioria das vezes, passam despercebidos no dia a dia, as ações do Setembro Dourado visam diminuir a taxa de mortalidade ressaltando a relevância do diagnóstico precoce e o tratamento prévio como fatores essenciais à cura. Segundo a coordenadora do Projeto Alertar da RFCC-PI, Tânia Cardoso, quanto mais cedo o diagnóstico, maiores as chances de cura do câncer infantojuvenil, dessa forma, é fundamental que toda a sociedade fique atenta aos sintomas que podem ser facilmente confundidos com doenças comuns na infância. 

“Ao longo do ano a RFCC-PI por meio do Projeto Alertar realiza ações educativas de combate e prevenção ao câncer. E pelo quarto ano participamos da campanha Setembro Dourado com o intuito de fortalecer esse trabalho de divulgação dos principais sinais e sintomas do câncer infantojuvenil. A palestra da sexta será nossa primeira ação educativa e até o dia 30 de setembro realizaremos outras”, destacou a voluntária. A palestra iniciará às 15:00h e será ministrada pela Dra. Luiza Ivete. 

Segundo pesquisas do Instituto Nacional de Câncer (INCA), por meio do diagnóstico antecipado, em torno de 80% dos pacientes acometidos pela doença poderão ser tratados adequadamente com a descoberta feita ainda no início. Apesar dos dados, de acordo a Sociedade brasileira de Oncologia Pediátrica – SOBOPE, a taxa de cura ainda deixa a desejar mediante a descoberta tardia. 

Ainda de acordo com o INCA, da mesma forma que acontece em países desenvolvidos, no Brasil, o câncer está como primeira na lista das causas de morte por doença entre crianças e adolescentes de 1 a 19 anos. Os tumores mais frequentes na infância e na adolescência são as leucemias (que afeta os glóbulos brancos), os do sistema nervoso central e os linfomas (sistema linfático). 

Para o presidente da CONIACC e da Casa Durval Paiva, Rilder Campos, há uma necessidade real e imediata de se falar sobre o diagnóstico precoce. “É muito importante que a sociedade no geral crie uma cultura de atenção voltada para o câncer infantojuvenil. O câncer acomete todas as classes sociais, sem distinções, portanto torna-se um problema de todos, de toda a sociedade e é através do diagnóstico precoce que a cura se torna possível”, enfatiza Rilder Campos.

Sinais de alerta do câncer infanto-juvenil

Palidez progressiva; sangramentos ou manchas roxas sem relação com traumas; febre prolongada sem causa definida; vômitos e dores de cabeça persistentes, principalmente pela manhã; alteração da marcha ou da visão ou diminuição da força em pernas ou braços; caroços em qualquer lugar do corpo; ínguas; dores no corpo que não passam e atrapalham as atividades das crianças e brilho branco nos olhos em fotografia com flash. A constatação destes sinais não significa que a criança tem câncer, mas que precisa ser avaliada por um especialista em oncologia pediátrica.

Ação Infância e Vida

A CONIACC e o Banco do Brasil promovem também no mesmo período do Setembro Dourado, a 4ª edição da campanha Ação Infância e Vida que mobiliza sociedade no geral, correntistas, funcionários, aposentados, voluntários e empresas parceiras do BB para apoiar as instituições que lutam pela visibilidade e pela cura do câncer infantojuvenil em todo o país.

O objetivo da mobilização é arrecadar doações de recursos financeiros para fortalecer o sistema de apoio e assistência à criança e ao adolescente com câncer. Essas instituições proporcionam aos pacientes e suas famílias, que vivenciam situação de vulnerabilidade física e emocional, acolhimento, carinho, atenção e apoio psicológico. Você pode doar em reais, pontos Livelo, Dotz e Pontos para Empresa. Acesse: bb.com.br/infanciaevida / Banco: 001 / Agência: 2870-3 / C/C: 33000-0 / CNPJ: 10.807.169/0001-01


 












Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*